« 12/12 | Main | 05/10 »

Por um futebol mais ofensivo

Posted by
Set 24 2012

Hoje, tanto faz vencer por 1×0 ou 8×0 no campeonato brasileiro, a pontuação será sempre 3 e a derrota sempre zero. Não é justo com o time que busca mais os gols e valoriza indevidamente o time defensivo.

Por isso, estou propondo um novo sistema de pontuação para o Campeonato Brasileiro, que pode tornar nosso futebol mais ofensivo e um espetáculo melhor.

Qualquer esporte precisa, antes de mais nada, ser um bom espetáculo para atrair gente para os estádios ou para as transmissões pela tv e internet. Daí que o saldo de gols deveria ser tão valorizado quanto a vitória.

Minha proposta é de que o saldo de gols tenha tanta influência na classificação quanto a vitória, incentivando os times a fazer a maior quantidade de gols possível.

Pelo sistema, cada vitória vale 2 pontos e o empate 1. Mas a estes pontos são acrescidos o saldo de gols. Então, uma vitória por 1×0 tem o mesmo valor de hoje, 3 pontos (2 pela vitória e 1 do saldo de gols).

Mas uma vitória por 3×1 passa a valer 4 pontos (2 da vitória mais 2 do saldo de gols). Vencer por 1×0 significa ganhar 3 pontos, mas golear por 4×0 deixa o time com 6 pontos.

Com isso, o sistema valoriza e incentiva as equipes a buscar o gol, a ser ofensivas. O jogo defensivo, que é ruim como espetáculo, passa a ser um mal negócio.

Ganham os times mais ofensivos, os torcedores e o futebol, que passa a desenvolver técnicos mais ofensivos e jogadores mais capazes de fazer gols. Perde quem adota o jogo travado, defensivo.

O sistema pode trazer de volta o futebol ofensivo que fez a fama do Brasil em 1970 e atrair mais torcedores para um campeonato onde não importa apenas ganhar, mas ganhar de goleada.

É o que proponho e gostaria de ver debatido por federações, comentaristas, técnicos e torcedores.

Categories:

Livraria Saraiva se atrapalha na venda de livros digitais

Posted by
Set 24 2012

A Livraria Saraiva se atrapalha na venda de livros digitais e complica uma transação que deveria sem muito mais simples do que comprar um livro impresso. Comprar um e-book devia ser prático, certo? Bom, certo para todas as livrarias menos a Saraiva.

Se voce compra um e-book nela, é obrigado a baixar e instalar um programa antes de poder baixar o arquivo que comprou. Note o detalhe: antes de baixar o arquivo. Não te dão alternativa para baixar o arquivo e não resolvem o problema nem cancelam a compra pelo SAC.

“É preciso enviar um e-mail, que levou 3 dias para ser respondido e sem resolver nada. De forma tabaréu, dizia que o e-book também pode ser lido em outros programas e aparelhos, mas não dá opção para baixá-lo sem instalar o programa da Saraiva,” conta nosso editor Marcel Leal.

Cliente antigo da Saraiva e pioneiro da internet no sul da Bahia, Marcel diz que eles não sabem o que é um download. “Confundem download com leitura, por isso acham que você precisa de um programa específico só para baixar o arquivo. Um adolescente sabe mais que eles”.

Ignorância

Um exemplo é o e-mail que a livraria enviou ao ser questionada sobre a necessidade de instalar o programa.

“Informamos que o sistema Linux não é compatível com o aplicativo Saraiva Digital Reader, e portanto não há como realizar o download do livro”.

“Porem, informamos que o livro poderá ser lido computadores desktop com sistema operacional Window e Mac, em smartphones, leitores dedicados a livros digitais (ex. E-reader Positivo Alfa), iPhone, iPod Touch e iPad, e agora também disponível para Android”.

“Note que eles sabem que o arquivo pode ser lido numa infinidade de sistemas e aparelhos, mas acham que só pode ser baixado pelo programa da Saraiva. Minha resposta foi ‘desculpe a franqueza, mas voces parecem autistas ou não entender nada sobre livros digitais’”.

Marcel teve que ser didático, escrevendo “download é transferir o arquivo da Saraiva para o meu computador, algo absolutamente trivial, que exige apenas clicar no link do arquivo. Download não requer programa algum, basta o navegador.”

E completou com uma informação que deveria ser desnecessária para uma das maiores redes de livros do país. “Por sinal, se voces tivessem o mínimo de bom senso, já teriam me enviado o livro anexado a este email”.

Um detalhe: durante todo o processo de compra a exigência do programa não é informada. A compra foi cancelada e Marcel espera o estorno do valor que, segundo a Saraiva, pode levar “uma a duas faturas do cartão”.

Categories: